Conversa Nerd e Geek 58 – Livros da Decepção

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Na conversa dessa semana, Douglas Luis, Fabiana Murray (Alias Podcast), Olavo Montenegro(Tambacast), Eduardo Filhote (Machinecast) e Icaro Robson (Tambacast) falam sobre os livros que causaram dolorosas decepções. Aquele livro que tinha tudo para dar certo. Aquele livro do qual todo mundo fala bem. Aquele livro que parecia ser incrível. Mas que no fim das contas se revelaram grandes bostas úmidas e fedorentas. Narrativa zuada, capítulos mal escritos, finais horrorosos, argumentos cancerígenos e crueldade com animais. Tudo isso e muito mais você ouve aqui.

Tempo do Episódio: 1:34:31

Tema: Literatura

Padrinhos:
Agatha Gonçalves
Olavo Montenegro
Ruti Goulart
Vanei Anderson
Willian Lopes
Padrim Divulgação
Links:

vulto

"Depois de mim sou eu."

  • Vanei Anderson Heidemann

    Série vaga-lume é a melhor série de sempre. Li todos (que tinham disponíveis na biblioteca na época).
    A maior decepção é também um livro da série vaga-lume: Éramos Seis. Eita livro chato da p*. Pelo menos para idade que tinha na época.
    Parece que “Vidas Secas” traumatizou muita gente por esse Brasil afora. Eu não li, mas fui obrigado a assistir o filme, junto com outro traumatizante: “Eu, Cristiane F., prostituída, drogada…”.

    • Fabiana Murray

      Cristiane eu li o livro e o filme e adorei. Adoro Eramos Seis. É questão de gosto e não se começa clássicos de época para crianças. Obrigada pelo comentário!

      • Vanei Anderson Heidemann

        Talvez se lesse hoje não achasse tão ruim. Mas lá pelos 12 anos, era bem ruim. Infelizmente perdi o hábito de ler literatura depois que decidi entrar pra área de TI e começar a ler muito material técnico.

    • Concordo. E Éramos 6 era tão chato que virou novela.

      • Vanei Anderson Heidemann

        Pois então… É assim, o que não presta, vira novela, filme, político, chefe…

    • Eu assisti na quinta ou sexta série. Foi bem assustador… 😐 Sobre o Livro eu não conheço para puder opinar. Mas obirgado pelo comentário Mestre Vanei! 🙂

      • Vanei Anderson Heidemann

        Idem

  • Jonathan Diego Knopf

    Minha amiga comprou o livro da Narnia por 19,90. Ela me emprestou e li em uma semana. A leitura era gostosa demais. inocente, mas muito gostosa de ler.
    O Espadachim de Carvão também comprei, mas parei no segundo capitulo. estava muito confuso e me desmotivou.

    • Fabiana Murray

      Poxa bacana. Fantasia não é minha área e a única coisa que li sobre foi o Spohr e a Gabrielle Venancio que tem resenha do livro dela por aqui. Obrigada por comentar.

  • Nárnia é um livro decepcionante. Não, não é legal. Vocês leram o mesmo livro que eu? Pq assim, tudo dá errado até que o Aslam vai lá pra salvar todo mundo. Pra que raios ele chamava os moleques???

    Outro livro decepção foi Alice no País das Maravilhas/ No país do Espelho. E li o País das Maravilhas e fiquei pensando que aquilo só podia ser zueira. Se juntaram os ingleses e falaram “oh véi, vamos fazer um livro muito, mas muito ruim e ficar falando que ele é bom pra ver o que o povo fala?” e a galera fez. Livro bobo, sem sentido, com o final mais covarde de um livro que se pode ter. Era um sonho. Aí tem o segundo livro e é exatamente a mesma história. Alice no país das maravilhas é o maior Cala Boca Galvao da história.

    Eu li os dois a uns 10 anos. Ainda odeio os dois.

    Outra decepção pra mim é Dracula. O Bram Stoker fez toda uma trama que se resolveu da forma mais fácil possível no final. Não fazia sentido o Drácula se mudar e pagar ciganos pra levar o próprio caixão. Mesmo assim, livro bom.

    • Fabiana Murray

      hahahahahhah Acho que você não é muito chegado em fantasia. Uma dica. Gosta de literatura brasileira? Te indico Leonardo Barros. Tem duas resenhas de livros dele aqui no portal. Vle a pena dar uma olhada. Obrigada por comentar.

      • Pior que eu curto, Fabi! Mas Não curti esses 3 não. O Drácula eu realmente entendi o motivo de ser um clássico. O livro é bem escrito, mas o final é um pouco decepcionante.

  • Darley Santos

    Não me lembro de nenhum… O Edu foi corajoso hein, hahah, falou abertamente algo que os fãs de Tolkien abominam!