Dunkirk Sem Spoilers

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Como já era esperado, Dunkirk realmente foi aclamado pela crítica internacional, mas ao que parece, estamos diante da melhor obra do diretor Christopher Nolan. Com as primeiras avaliações sendo publicadas na última hora, temos uma impressionante aceitação de 94% no Metacritic e uma nota média de 93% no Rotten Tomatoes.

Antes de tudo um momento descontração. Fui com maridão assistir e só tinha meninas novinhas na idade de uns 14 anos, falantes e sem educação como sempre. Mas eu olhei e pensei porque elas estavam lá? Ai Nolan malandrão colocou o Harry Styles do One Direction no filme. Pode aumentar a bilheteria, mas será que sabem o que estão assistindo?

O novo filme de Christopher Nolan tem dois ou três momentos do mais puro pavor.. Na primeira destas cenas, o jovem soldado interpretado por Fionn Whitehead finalmente chega à praia, depois de escapar de uma sequência quase interminável de desafios que poderiam facilmente tirar sua vida. Embora declare que seu projeto seja contar uma pequena história da Segunda Guerra Mundial, o braço final da chamada Batalha de Dunquerque, mas o primeiro objetivo de Dunkirk parece ser muito mais ambicioso e sem nenhum ator principal. Isso fica evidente quando o protagonismo do jovem soldado começa a ser dividido com outros personagens, todos envolvidos em outros pontos do combate, todos no meio de algum momento de ação filmado de maneira inédita.

Enquanto Nolan tenta inserir o espectador no meio da ação da guerra, Dunkirk é realmente impressionante. Neste esforço, há sequências excelentes, fotografadas, montadas e musicadas de maneira praticamente única do ponto de vista da manipulação da tecnologia e com um efeito prático aterrorizante. A única coisa que me incomodou foi o diretor tentar fazer do filme uma obra espetacular. Teve uma parte do filme com o Tom Hardy que poderia ser menor e mais enxuta, além que  para fechar o filme correu demais com o fechamento.

Mas deixando isso de lado,  arte talvez nunca tenha utilizado uma fidelidade tão enervante para imitar a vida. Dunkirk é um marco no cinema, no coração dos amantes artísticos e na história da humanidade em sua crescente habilidade de contar histórias. Assista na melhor tela de cinema que houver por perto e, apesar da dificuldade, tente não piscar.

 

Fabiana Murray

Uma obra faraônica em construção. Feminista, Host do Alias e do Pílulas de Beleza, Aspirante a escritora, Cinéfila, Seriaholic, Humanas com Miçanga, Netflix sempre aberto nas séries, fã das mulheres mais empoderadas da telinha e das telonas e claro, sempre no mundo da lua!