EU SOU A SUA MORTE (Poética)

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Eu sou a sua morte e estive lhe observando. Enquanto você caminhava pelas ruas, se alimentava, trabalhava… Eu estive te esperando, aproximando-te cada vez mais do inevitável. Estou em cada esquina, a um tropeço ou uma palavra. Sinto o seu ódio e o seu medo. Sou a verdade dos teus olhos, quem por fim te despedaçará em infinito e apodrecerá a sua carne. Todo o sangue que escorrerá de suas mãos será lavado por suas memórias. Toda a sua glória será lavada pelo seu egoísmo. As suas saudades esgotarão junto com sua vontade de ser feliz. Em mim se encontra a sua dor e o seu alívio.

A violência da alma humana tem me alimentado por milênios, derramando sangue em nome de seus deuses, de seu ego e de sua paz. Me intriga o sarcasmo dessa existência tão breve e destrutiva. Uma vontade irrefreável persistindo por décadas ao encontro de uma felicidade egoísta e uma paz assassina.

Observei além de seus pensamentos, o ódio se escondendo por trás da sua ambição e irrompendo em seu preconceito. O furor do seu verbo sobre os que mal compreendem as suas razões. Tão frio é o seu pensamento incapaz de sentir o calor de opiniões conflitantes. Tudo é tão certo, sagrado, imutável aos seus olhos intolerantes.

As ruas me ajudavam a carregar esses cadáveres, vítimas da indiferença dos curiosos que apenas os observam. Os negros, os brancos, a guerra que me alimenta não é mais de nações, é uma guerra de cores imaginárias, existentes nas mentes entorpecidas por lados. Bem ou mal depende de qual lado da cerca você está, de quem puxa o gatilho e da cor do sangue que é derramado. Soube que alguns humanos tem sangue azul, mas as ruas são pintadas de vermelho.

Te encontrarei em breve, esfaquearei tuas dúvidas, esfriarei teus sentimentos em brasa. Te levarei de volta para casa.

 

Eu Sou A Sua Morte, por Jadson Ribeiro

Jadson

Escritor, poeta e artista visual. Um amante incurável da literatura e das artes plásticas. O romance, a ficção científica e principalmente a fantasia me fascinam. Nerd assumido. Séries, filmes, animações e café são as coisas que melhoram meu dia. O mundo real é um lugar que às vezes me arrisco em visitar.